Notícias da Diocese

Seminarista da Diocese de Alagoinhas relata nova experiência no Seminário São João Maria Vianney

Os seminaristas da Diocese de Alagoinhas desde o mês de fevereiro estão residindo no Seminário São João Maria Vianney, em Salvador. O seminarista Rogério Gonçalves enviou texto para a equipe da Pascom da diocese descrevendo a nova experiência. Confira a carta:

IMPRESSÕES SOBRE O SEMINÁRIO

O novo em nossas vidas provoca certo desconforto e expectativas justamente pelo medo do desconhecido. Não foi diferente quando recebemos a ideia de ir morar em outra casa de formação, o seminário Maior São João Maria Vianney, causando impacto a todos nós seminaristas do então seminário dom José Cornelis.

Dom Paulo realizou uma reunião conosco e por meio de uma conversa amigável partilhamos com ele nossos anseios e expectativas. Alertou-nos que o novo seminário não seria “outra” casa, mas uma continuação de nossa vida fraterna junto aos demai sseminaristas de outras dioceses.Fomos bem recepcionados pelo reitor padre Gil Peixinho e pelos irmãos seminaristas. O lugar conta com uma estrutura imensa e agradável, bem arborizado. Possui quatro casas de acordo com o grau de formação dos seminaristas. A equipe formativa é composta por um reitor e três formadores.

Desse modo, o seminário São João Maria Vianney retoma uma antiga característica de ser interdiocesano com a presença das dioceses de Barreiras, Alagoinhas, Camaçari, Ilhéus, Bom Jesus da Lapa e Arquidiocese de são Salvador. Há um programa de formação de acordo com as etapas de cada seminarista. Esse é um tempo de aprendizado e amadurecimento vocacional onde aprendemos a ser discípulo.
Elencarei alguns elementos fundamentais do nosso processo formativo:

VIDA COM DEUS
Direção espiritual
A direção espiritual acontece todas as terças feiras, elemento indispensável no processo formativo de discernimento vocacional e amadurecimento da fé.
Liturgia e orações
As missas diárias, as orações da liturgia das Horas em comunidade, oração pessoal e momentos marianos são pontos altos da vidade fé e alimento espiritual que alicerça a vida do futuro sacerdote no caminho de fidelidade a Deus e a Igreja.

FORMAÇÃO HUMANA E AFETIVA
São realizados encontros semanais de formação humana e espiritual, como também os elementos referentes à vida comunitária e organizacional. Outro ponto importante nesse processo formativo são as avaliações referentes ao formando.

FORMAÇÃO ACADÊMICA
A vida acadêmica engloba o estudo na faculdade e o estudo individual. Eu, Rogerio Goncalves, Ronaldo Alves e Charles Assisda diocese de Alagoinhas,por estarmos no ultimo ano da grade curricular, permanecemos na Faculdade São Bento por exigência do MEC.

ESPORTE E LAZER
Temos o tradicional futebol às sextas-feiras à tarde, caminhada para quem não pratica esporte e um pequeno espaço de academia em processo de instalação.No lazer, a equipe social realiza os aniversários, organiza o forró do seminário e o passeio anual.
Desse modo, quero manifestar minha gratidão a todos os padres e paroquianos que se esforçam por contribuírem de formas variadas no processo formativo dos futuros padres da nossa Igreja; ao Dom Jaime, nosso bispo emérito, que sempre manifestou seu cuidado pela casa de formação Dom José Cornelis; ao Dom Paulo Romeu, nosso bispo diocesano, por nos acompanhar de perto nesse processo vocacional.
Por fim, rogo a Deus, nosso Pai, que nos sustente com sua graça nesse processo de discipulado. A Bem-aventurada Virgem Maria que continue a olhar por cada um de nós com seu amor maternal e nos inspire sempre neste caminho de discernimento vocacional. Peço a todos que rezem, apoiem e continuem a incentivar-nos a sermos futuros pastores da Igreja de nosso Senhor Jesus Cristo.

Rogério Gonçalves

PALAVRA DO BISPO

Dom Walmor

EVENTOS

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› »