Notícias da Diocese

Paróquia de Inhambupe celebra o Divino Espírito Santo

A paróquia de Inhambupe está celebrando desde a última sexta-feira (15), a festa do Divino Espírito Santo. A novena prossegue até o Domingo, dia de Pentecostes, quando haverá missa festiva, procissão, além da coroação do imperador deste ano e escolha da comissão da festa de 2016. O bispo de Alagoinhas, Dom Paulo Romeu preside a missa de encerramento. Durante estes dias serpa refletido o tema: “Com o Divino Espírito Santo sejamos construtores da PAZ”.

Histórico

Entre 1572 e 1582, desenvolveu-se a catequese indígena à margem esquerda do Rio Inhambupe, denominado Rio Inhambupe de Cima. Posteriormente, os jesuítas estabeleceram um colégio em Água Fria e estimularam a povoação da região.  A partir de 1624, uma sesmaria foi concedida a um Marechal da Casa da Torre dos Garcia D”Ávila, que erigiu uma igreja sob a invocação do Divino Espírito Santo de Inhambupe, em torno da qual foram surgindo casas, contribuindo para a formação e evolução da nova comunidade.

Em 1718 o povoado passou a pertencer à Freguesia de Água Fria, vila criada em 1710 e notável pelo colégio dos jesuítas. Mais tarde, foi a capela elevada à categoria de paróquia, ficando, porém, o povoado de Inhambupe de Cima subordinado a Água Fria até 1727, quando Vasco Fernandes Cézar de Menezes, pela Resolução de 24 de abril, elevou a povoação à categoria de vila. Em 26 de junho de 1801, por Carta Régia, foi instalada a Vila de Inhambupe de Cima, sendo criada a freguesia em 7 de novembro de 1816. Inhambupe ganhou foros de cidade em 6 de agosto de 1806, pela Lei Estadual nº. 134.

Foto: Eduardo Castro

PALAVRA DO BISPO

Dom Walmor

EVENTOS

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› »