Notícias da Igreja

Colégio de Cardeais terá 125 eleitores após Consistório

No próximo sábado, 14 de fevereiro, o papa Francisco criará 15 novos cardeais eleitores e 5 eméritos, durante o Consistório. O novo cardeal mais jovem do Colégio Cardinalício será o arcebispo de Tonga, Soane Patita Paini Mafi, de 54 anos.

Já o arcebispo emérito de Manizales, dom Pimiento Rodriguez, é o mais idoso, com 96 anos. De acordo com dados do Vaticano, o Colégio de Cardeais possui atualmente 110 eleitores, passando para 125 após o Consistório.

Os futuros cardeais anunciados são de diferentes países como Europa, Ásia, América Latina (México incluído), África e Oceania. Em carta enviada aos nomeados, o papa recordou que o cardinalato não é um prêmio, mas “ser cardeal significa dar testemunho da Ressurreição do Senhor na Diocese de Roma”.

Humildade e serviço

Na mensagem aos nomeados, o papa Francisco pede aos novos cardeais que se preparem “com oração e um pouco de penitência” e tenham “muita paz e alegria”.

“Manter-se com humildade no serviço não é fácil quando se considera o cardinalato como um prêmio, como o ápice de uma carreira, uma dignidade de poder ou de distinção superior. Desde já, o teu compromisso cotidiano para manter afastadas estas considerações e, sobretudo, para recordar que ser Cardeal significa servir na diocese de Roma para dar testemunho a esta da Ressurreição do Senhor e dá-lo totalmente, até o sangue, se necessário”, lembrou Francisco.

Conheça os 15 novos cardeais anunciados:

– Dom Manuel José Macário do Nascimento Clemente, Patriarca de Lisboa (Portugal);

– Dom Berhaneyesus Demerew Souraphiel, C.M., arcebispo de Addis Abeba (Etiópia);

– Dom John Atcherley Dew, arcebispo de Wellington (Nova Zelândia);

– Dom Edoardo Menichelli, arcebispo de Ancona-Osimo (Itália);

– Dom Pierre Nguyên Văn Nhon, arcebispo de Hanóid (Vietnã);

– Dom Alberto Suárez Inda, arcebispo de Morelia (México);

– Dom Charles Maung Bo, S.D.B., arcebispo de Yangon (Myanmar);

– Dom Francis Xavier Kriengsak Kovithavanij, arcebispo de Bangkok (Tailândia);

– Dom Francesco Montenegro, arcebispo de Agrigento (Itália);

– Dom Daniel Fernando Sturla Berhouet, S.D.B., arcebispo de Montevidéu (Uruguai);

– Dom Ricardo Blázquez Pérez, arcebispo de Valladolid (Espanha);

– Dom José Luis Lacunza Maestrojuán, O.A.R., bispo de David (Panamá);

– Dom Arlindo Gomes Furtado, bispo de Santiago de Cabo Verde (Cabo Verde);

– Dom Soane Patita Paini Mafi, bispo de Tonga (Ilhas de Tonga);

Os 5 eméritos indicados:

– Dom José de Jesus Pimiento Rodriguez, arcebispo emérito de Manizales, na Colômbia;

– Dom Luigi De Magistris, arcebispo titular de Nova, pro-penitenciário maior emérito:

– Dom Karl-Joseph Rauber, arcebispo titular de Giubaliziana, Núncio Apostólico;

– Dom Luis Hector Villalba, arcebispo emérito de Tucumán, na Argentina;

– Dom Júlio Duarte Langa, bispo emérito de Xai-Xai, em Moçambique.

PALAVRA DO BISPO

Dom Walmor

EVENTOS

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› »